quarta-feira, 21 de março de 2012


Vejo, sinto daqui toda a vida... 
                                                  que no dia anterior sofrida,
                           ontem invisível
                                                                     Amanhã Iludir-me,                                                parecerá mais vida!!


Assisto-me doença, dor ardida, se este mal cheiro insistir não definiria como outro se não Vida.


Repito-a


querendo memorizar.                     .                            .  Ver que sua grandeza está no todo.
E a intensidade de cada pedra é força que o empuxo                          do cérebro,
                                                                                  centro da terra causa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário