terça-feira, 20 de agosto de 2013

Universo comercial.

O universo comercial,
quem orienta as barreiras
é da trupe de Júpiter

Contrataram Deus
para labutar
nó e comércio.

Servos da música
marcham através da arte
enquanto, d'outro lado
vendem até Marte.


              sobe a lua na bolsa de valores


no bolso um Deus
noutro a miséria humana
reinventam as leis para  vestirmos um bom censo:

              consumismo, felicidade efêmera, cegueira

Boletim do grande poeta e presidente:
Sob a lua 
vendo a terra
as estrelas
e as nuvens do meu país.

Mas ainda marcham
através da anti-matéria
os viajantes marginais
servos da arte

movem névoa e sóis
movem com amor
espaçonaves improvisadas
lançam luzes

desapropriando as propriedades

             Na bolsa de valores
                          despenca o Sol...

servos da poesia
servos da alegria
servos da felicidade
servos da tristeza

marchemos
através da arte; expandindo a limitação humana


Se viver é arte
por que não trocar escravidão por liberdade?

e no universo comercial
quem orienta as barreiras
são da trupe de jupiter

Contrataram Deus
para a labutar
nó e comércio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário