sexta-feira, 1 de julho de 2011

Pariósis/Poesia da imagem


Pariósis
Nome de Pássaro
fonema de remédio,
o possivel vôo,
e em entermédio
a alimentação de couro...
tão absurdo,
quanto vestir as cores definidas,
por um aleátório.
em busca de sua cura,
canta: Aiósis, aiósis aiósis
e as manhãs:

Aiósis , Aiósis...

O que procura?



Pariósis

Nome de carro,
forma de ave
Preso ao chão
Pariósis,
canta...
seduz suas presas com o som : Aiósis
Aiósis
Aiósis

e ave se aproxima do predador

Aiósis...






sobre o natural
costumamos idealizar, e dar nomes,
selecionando verdades
tão natural a contradição.

4 comentários:

  1. Sua ultima estrofe foi perfeita. (:

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom mano, por vários aspectos.

    O texto não se parece com nada que eu já li. O texto é seu! (ou preciso ler mais)
    Aiósis é uma ótima Onomatopéia para assobio de ave.
    E esse desenho? É seu?
    O detalhe : Escrito Rua Pretória na folha.
    Muito bom mano. Misturando as artes. Gostei pracas.
    Agora quero ver pra manter o nível...

    ResponderExcluir
  4. Quando leio seus textos, ou de outrtos escritores ou poetas, ou de qualquer indivíduo que se arrisque a escrever, não tenho outra
    reação a não ser calar e continuar... Ainda mais diante dessa renovação incrível que vc fez agora, essa mistura agradável, saborosa na leitura, e esse toque especial da imagem! Variadas formas de expressão interligadas num só pensamento; um só pensamento gerando variadas formas de expressão, melhor dizendo...
    ah, isso aí, rsrs.Viu? não me arrisco a comentar! haha

    Enfim, como sempre, despertando aquela vontade de ler mais e mais e mais e mais...

    ResponderExcluir